Florianópolis, capital de Santa Catarina ganha condição de metrópole.

Florianópolis, capital de Santa Catarina ganha condição de metrópole. Enfim, Floripa, eterna Ilha da Magia, passou a condição de metrópole, segundo a pesquisa Regiões de Influência das Cidades (Regic), com base em dados de 2018, que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no último dia 25. Segundo o IBGE, Florianópolis atingiu o nível de metrópole por ter elevado o número de empresas e instituições públicas, atraindo contingentes populacionais muito significativos de outras cidades para acessarem bens e serviços.

A princípio, o gerente de Redes e Fluxos Geográficos do IBGE, Bruno Hidalgo, destacou as atividades econômicas que impulsionaram o alto número de empresas nas novas metrópoles. Dessa forma, a pesquisa, feita a cada dez anos pelo IBGE, identifica e analisa a rede urbana brasileira, estabelecendo a hierarquia dos centros urbanos e as regiões de influência das cidades. Portanto, o resultado mostra a forma pela qual as cidades se relacionam entre si, por meio do deslocamento de pessoas em busca de bens e serviços, bem como pelas ligações entre sedes e filiais de empresas e instituições públicas multilocalizadas.

Jefferson Jornalista colunaonline@gmail.com

 

 

Compartilhe!!

Jandir Lautert

Editor Chefe Especialista em reconhecimento pessoal e empresarial, no Sul do país e Mercosul, em eventos sociais e empresariais e premiações importantes SÌMBOLO produções

error: Content is protected !!